fbpx

CuidadosFREQUÊNCIA DE BANHO EM CÃES

16 de março de 2021by marketing0

Embora muitas pessoas gostem de estabelecer regras de banho para animais de estimação, é importante lembrar que nenhum animal de estimação é igual a outro. Isso está relacionado às suas características físicas e hábitos diários. Por exemplo, animais que ficam dentro de casa tendem a acumular menos sujeira do que animais que se saem muito ou ficam em creches durante o dia.

Além disso, certos problemas de saúde podem alterar a frequência do banho dos peludos. Por exemplo, o banho reduz a imunidade do cão, então alguns deles devem ser lavados menos vezes. Para cães com dermatites, recomenda-se tomar banho com produtos especiais duas vezes por semana.

Considerando tudo isso e dadas condições normais de saúde, o fator determinante da frequência de banho em cachorro está ligada ao tipo de pelagem, como você confere a seguir.

Para cães de pelagem curta e densa, é recomendado dar banhos com intervalos de 15 a 30 dias, dependendo do ambiente e das atividades realizadas por ele. Encontram-se nesta categoria pets como Buldogue francês, Pastor alemão, a maior parte dos SRDs, entre outros.

No caso dos cães que possuem pelo longo que não se assemelham a cabelos, como é o exemplo do Poodle, os banhos podem ocorrer entre uma semana e 15 dias. Além dos hábitos do cachorro, também influencia o fato de o tutor ter ou não o hábito de penteá-lo a fim de evitar nós.

Alguns pets, como Maltês, Yorkshire e Shih-tzu, possuem pelos com estrutura que se assemelha à do cabelo humano. Por acumularem mais oleosidade, o ideal é manter o cachorro tomando banho semanalmente.

Se você é do tipo que tem mania de limpeza e ficou com os cabelos em pé ao ler se cachorro pode tomar banho todo dia, vale pensar nos prejuízos que tomar muitos banhos traz para o seu amigo.

Entre os principais está o fato de as lavagens em excesso removerem a camada de gordura que protege a pele dos animais, deixando-os mais expostos a fungos e alergias. 

Além disso, a remoção dessa camada também elimina bactérias ligadas ao bom funcionamento do sistema imunológico dos cães. Sem ela, eles ficam mais suscetíveis a doenças.

 

(Texto adaptado do site da Petz)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Whatsapp
Precisando de ajuda?